Guilhotina – Hirasawa Riku

Ela corta

Na mira da guilhotina
Acendem-se os pavis
Aquilo que me ensinas
Não sei bem o que me diz

Falando, fico calado
Andando, corto meus pés
Sozinho, fico ao seu lado
Por ora, sei quem tu és

Renderam o vocabulário
Tão sem jeito, tão sem diálogo
E cada porta que eu abro
Amplia meu silabário

Enquanto há os que não entendem
Portas se fecham ao redor
O homem retorna ao pó
E eles ainda não compreendem

————————————————————————————————————————————————-

Ela corta impiedosamente.

Anúncios
Guilhotina – Hirasawa Riku

Um comentário sobre “Guilhotina – Hirasawa Riku

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s