Saudades – Hirasawa Riku

Meu coração bate forte
Eu fico aqui a suspirar
Se se aproxima da morte
Então só posso chorar

O meu pensamento está
Cercado pelo nevoeiro
Cada gota do meu mar
Tenta enxugar o meu anseio

No horizonte está perdido
Meu triste e sereno olhar
Eu, ligeiramente aflito,
Espero você voltar

Sinto muita falta
Deste seu calor
De tudo que exalta
Nosso lindo amor

Como se milênios
Tivessem passado
É cada segundo
Sem estar ao seu lado

Meus braços esperam pelo seu abraço
Meus lábios esperam pelo seu beijo
Mas o nosso fortalecido laço
Encontrará nas almas o seu berço

—————————————————————

Saudades… Uma demonstração de amor

Saudades – Hirasawa Riku

Silêncio de Paz – Hirasawa Riku

Minha mente se esvazia
Muita coisa a se pensar
E seguindo no dia-a-dia
Se expande o meu grande mar

Muita coisa aqui já existe
Muita coisa de valor
Tudo aqui sempre persiste
Persiste esse nosso amor

Silêncio de paz
Ele ganha forma
És a mais bela obra
Que não se desfaz

Todo o carinho eterno
Que estamos a trocar
Maior que amor fraterno
Maior que o próprio ar

No vazio da minha mente
Minh’alma se enche de paz
E por tudo que se sente
Nosso amor não deixará
De brilhar jamais.

————————————————————-

O amor é uma estrela que nunca perde o brilho; é uma frase que faz sentido sem palavra alguma.

Perdão pelo nível da poesia ><‘

Silêncio de Paz – Hirasawa Riku

Estrela Cadente – Hirasawa Riku

Ainda nos atuais tempos eu devo dizer
Que sinto apertar lá no fundo o coração
Ao me ver forçado a desse jeito te ver
Nessa inconsolável vil tristeza em ascenção

Confesso que eu não tenho idéia de como agir
Que sem forma alguma de reação eu sempre fico
Parado a observar-te, eu sei que só cabe a ti
A minha pessoa, de nada serve a ação nem o grito…

Reticências, vírgulas, palavras inúteis!
Nada, jamais, vai surtir o devido efeito
Pois seu corpo e sua alma são deveras mui fúteis
Somente apodrecem o que chamas de seu seio

Eu fico a me sentir por completo impotente
E fico a me questionar, será que não sou?
Pois eu sou como a mais bela estrela cadente
Como pássaro que tentou pegar, mas voou

Jamais hei de estar amarrado em suas vis mãos
Como tu querias profundamente que fosse
Talvez, imensa e brilhante alegria eu te trouxe
Mas tudo tenha sido por completo em vão

Pois da única existente salvação
Foges sem nem ao menos parar para pensar
Sai correndo desesperado a profanar
Dá o seu categórico e ornamentado não…

Talvez um dia, venha a perceber o seu erro
De confiar demais naquela estrela cadente
E que seja antes que lá do mar a corrente
Te arraste quando for o momento do enterro

————————————————————

Foco… Algo que não devemos perder de forma alguma…

Estrela Cadente – Hirasawa Riku

Lindo Sorriso – Hirasawa Riku

É tão brilhante
É tão bonito
Ele é meu amante
Ele é meu amigo

É companheiro
Ele é um consolo
É verdadeiro
Ele é amistoso

É mais um laço
É mais um selo
É como um abraço
É como um beijo

Se todo grandioso anjo
É tão lindo de espírito
Eu com o deles comparo
O seu lindo sorriso

———————————————

Para todos, há algo que dá forças… Esse sorriso é fonte de alegria para mim.

Lindo Sorriso – Hirasawa Riku

Vôo à Dois – Hirasawa Riku

Eu queria ter asas
Queria poder voar
Queria estando em brasas
Deslizar pelo ar

Eu tocaria as nuvens
Eu faria chover
Não teria ferrugem
Só veria você

Eu iria te escolher
Para ser meu par
Junto com seu ser
Iria me alegrar

Abraçar a brisa
Pássaros a voar
E a luz que me incita
Eu iria aclamar

E de mãos dadas contigo
Meu ser iria acordar
E nesse consolo amigo
Seus lábios iria tocar

————————————————–

Eu posso voar em terra, eu posso andar no ar…

Vôo à Dois – Hirasawa Riku